Entenda para quê serve o filtro de óleo e a importância da troca regular

Cuidar do seu veículo é a melhor forma de prevenir acidentes. Sem falar que revisões regulares são uma cautela para o bolso. Através delas, é possível evitar gastos exorbitantes com consertos e reparos grandes. Por isso, tenha bastante atenção aos componentes pequenos. São eles que muitas vezes têm uma função determinante na preservação de peças grandes. O filtro de óleo, por exemplo, tem fundamental importância na preservação do motor do carro. Vamos entender o porquê…

Para que serve o filtro de óleo?

A principal função do filtro de óleo é evitar o acúmulo de sujeira no motor. Quando filtrando corretamente, este componente diminui as possibilidades de problemas e acentuação de desgastes do motor. Isso ocorre porque o filtro retém as impurezas de óleos antigos. Também absorve partículas de carvão que possam estar presentes no lubrificante.
Assim, o filtro de óleo segura as impurezas e protege o motor de danos causados por sujeira. Ou seja, se você fizer uma troca regular do seu filtro de óleo, poderá aumentar a vida útil do motor. E esse já é um grande incentivo para ter atenção a este componente para que ele esteja sempre em dia!

O que acontece quando demoramos a trocar o filtro de óleo?

Quando o filtro é usado por mais tempo do que o recomendado, ele fica carregado de sujeira. Assim, o óleo passa por ele com dificuldade. Com a demora da passagem, o motor pode sofrer panes e falhas devido à pouca lubrificação.
Quando o filtro é bloqueado totalmente pelas impurezas, pode causar danos muito graves ao motor. Igualmente arriscado é quando a válvula de segurança entra em ação para permitir que haja lubrificação. Contudo, sem nenhum tipo de filtragem. O óleo circulante no motor passa a ser o contaminado. Ambas as situações são graves, causam danos e devem ser evitadas.

Quando trocar o filtro de óleo?

Uma dica simples que você pode seguir é trocar o filtro toda vez que for trocar o óleo do motor. E, para esse, além da quilometragem, você deve também observar a validade do óleo. Pois pode ser que, antes de chegar à quilometragem indicada para troca, o lubrificante tenha vencido. Não deixe isso acontecer!

Uma atenção que você não pode deixar de ter é o filtro adequado ao seu veículo. Pois cada marca de carro requer um filtro específico. O manual do veículo traz essa e outras recomendações. Se tiver dúvidas, consulte-o!

Não se esqueça também de que essas recomendações da montadora quanto à validade do filtro ou do óleo podem se modificar. Isso porque cada veículo tem um desgaste de forma diferenciada.

O trânsito, a má qualidade das vias e o tempo são fatores que devem ser levados em consideração. Por isso, a revisão periódica é essencial para manter a saúde do seu veículo. Pois dela depende a segurança sua e de todos que transitam no carro junto com você.